imagem ilustrativa

Autor Vania Clares

Urgência de auroras

Caio Fernando Abreu, no prefácio, diz que Urgência de Auroras revela-se e sintetiza-se a partir do próprio título. Foi escrito com urgência de anunciar e esperar por coisas mais claras, por novos começos, com pressa de assistir à chegada das luzes limpas da manhã. O susto e a cisma com que Vania observa as coisas de fora, e as de dentro, jamais são autocomplacentes ou derrotistas. Há sempre uma vigorosa vontade de luta emboscada nos poemas, ou, no mínimo, a consciência de que nessa “invenção de viver” – como ela diz – cabem às vezes quedas, recuos e medos. Não desistências.

 

Veja outras obras de Vania Clares:

 
Voltar Imprimir Enviar para um amigo
 
PUBLICIDADE
 
Imprensa Oficial
Escola Paulista de Direito
Academia Paulista de Letras

Tel: (11) 3231-4447
Telefax: (11) 3231-3669
E-mail: ube@ube.org.br